Telefone: (11) 3963-0585 | (11) 3963-0586

Todos os Produtos

Pilares

Os pilares pré-fabricados em concreto armado normalmente possuem seções quadradas ou retangulares. Podem também serem produzidos com seção circular.

As seções são definidas após o processamento estrutural em função dos esforços atuantes, levando-se em conta também os esforços gerados pelo manuseio da peça durante a fase de fabricação, transporte e montagem.

O comprimento máximo dos pilares é determinado pelo transporte (limitado em 30 metros) porém os custos de transporte e equipamento de montagem podem inviabilizar esta solução.

Nestes casos é usual seccionar o pilar em 2 tramos fazendo a ligação entre eles através de uma emenda metálica, que pode ser executada através de chapas metálicas ancoradas nos pilares e interligadas com solda ou parafusos. Outra solução é a utilização de emendas metálicas padrão disponíveis no mercado por empresas especializadas neste tipo de material.

Os pilares incorporam consolos retangulares ou trapezoidais para apoio de vigas ou da estrutura de cobertura. Nos consolos dos pilares são deixados pinos para a montagem e fixação das vigas e que devem ser grauteados após a montagem.

Quando previsto em projeto os pilares são produzidos com tubo de PVC instalados em seu interior para escoamento de águas pluviais, podem prever também barra de aço dedicada em CA25 ou cordoalha de cobre nú para a interligação do sistema de proteção de descargas atmosféricas (SPDA).

Vigas

As vigas pré-fabricadas podem ser em concreto armado ou protendido.

As seções são definidas após o processamento estrutural em função dos esforços atuantes, levando-se em conta também os esforços gerados pelo manuseio da peça durante a fase de fabricação, transporte e montagem e do tipo de utilização, podendo ser:

- Vigas de apoio de laje

As vigas de apoio de laje possuem seções retangulares ou tipo “T”.

Estas vigas quando aplicadas na periferia das edificações podem também receber cargas das alvenarias de fechamento.

- Vigas de fechamento para apoio de alvenaria

As vigas de fechamento para apoio de alvenaria possuem seções retangulares.

Além da função de apoio de alvenaria podem também ser aplicadas para travamento da estrutura e como montante para montagem de caixilhos e portas.

- Vigas de rolamento de ponte rolante

As vigas de rolamento de ponte rolante possuem seções retangulares ou tipo “I”.

As dimensões variam em função da modulação dos pilares e das características da ponte rolante como vão e capacidade de carga.

- Vigas painel

As vigas painel possuem seções retangulares e tem a mesma função que as vigas de apoio de laje e alvenaria.

A viga painel ganha esta denominação pois é incorporado a seção uma viga retangular de fechamento que pode substituir a alvenaria e servir de peitoril, como também ser utilizada com apelo arquitetônico para fechamento da edificação.

- Vigas calha

As vigas calha são utilizadas para captação e escoamento de águas pluviais.

Possuem seções tipo “U” e suas dimensões variam em função da capacidade de captação e escoamento necessárias para a edificação. Nas extremidades da edificação as vigas calha são fechadas e vedadas para garantia da estanqueidade.

As vigas calha podem incorporar a seção uma viga retangular de fechamento, integrando a função das vigas painel e ser utilizada com apelo arquitetônico para fechamento da edificação, impedindo a visualização da cobertura.

- Vigas de apoio de cobertura

As vigas de apoio de cobertura possuem seção “I” e usualmente são protendidas.

Uma das vantagens desta viga é vencer grandes vãos. Desta forma é possível otimizar a modulação dos pilares e consequentemente a quantidade de blocos de fundação impactando em redução no custo da obra.

As vigas de apoio de cobertura preveem fixação de terças de concreto ou metálicas para a fixação das telhas de cobertura.

A inclinação do telhado pode ser executada através do apoio das vigas de forma inclinada ou através da instalação de pilaretes de concreto sobre a vigas com alturas variadas proporcionando a inclinação desejada.

- Lajes alveolares

As lajes alveolares são painéis de concreto protendido com armação de aço em uma só direção, são compostas por vazios internos (alvéolos) que reduzem o peso próprio da peça e consequentemente da estrutura.

São produzidas em pistas contínuas e cortadas nos comprimentos definidos conforme o projeto.

Apresentam alturas de 0,16 m, 0,21 m e 0,26 m e largura de 1,25 m. Cada altura de laje possui várias classes de armação que consistem na utilização de números diferentes de cordoalhas, mudando-se assim a capacidade de cargas. A altura e armação são definidas em função do vão a ser vencido e sobrecargas atuantes.

O processo de fabricação é o de moldagem por vibroacabamento do concreto ao longo das pistas de protensão. A dosagem do concreto é cuidadosamente controlada em laboratório e a protensão é por aderência inicial.

As lajes protendidas atingem grandes vãos com pequenas espessuras sem a necessidade de escoramento proporcionando, desta forma, grande liberdade de lay-out.

Poderá ser especificada armadura negativa entre os painéis de lajes sobre um mesmo apoio. Tal procedimento possibilita uma continuidade entre os painéis fazendo com que trabalhem como uma laje contínua. A mesma solução poderá ser adotada para lajes em balanço.

No caso de necessidade de obtenção de vazios (alçapões, shafts, clarabóias, etc.) devem ser previstas peças metálicas para apoio das lajes. Cortes transversais poderão ser feitos toda vez que houver um obstáculo a ser vencido (ex.: pilar), nunca devendo ultrapassar 30cm.

A superfície de apoio das lajes deverá ter uma regularidade de nivelamento para que se evitem apoios pontuais. Estes apoios provocam aumento de tensões localizadas, bem como desnivelamento das peças ao longo de seu comprimento.

Caso isto não aconteça deverão ser adotados os procedimentos para equalização das lajes.

Escadas

As escadas pré-fabricadas são apoiadas sobre vigas. Podem ocorrer também apoio de lance sobre lance quando o formato do conjunto de escadas é em “U”, geralmente ocorre em prédios comerciais porque este conjunto é ao redor de caixa de elevadores.

As dimensões e configuração dos lances variam conforme especificação do projeto de arquitetura e podem ou não receber revestimentos.

Painéis de fechamento

Os painéis de fechamento pré-fabricados são utilizados como vedação substituindo a alvenaria e fechamento metálico.

São fabricados em concreto armado com acabamento superficial natural para receber um tratamento posterior (pintura, selante, etc).

Os painéis são fixados usualmente nos pilares através de ligações soldadas compostas por insertos metálicos concretados nas peças ou através de ligações parafusadas. Outra solução é a utilização de ligações metálicas padrão disponíveis no mercado por empresas especializadas neste tipo de material.

As juntas horizontais e verticais dos painéis são vedadas com selante a base de silicone ou poliuretano.

Muros de arrimo

Os muros de arrimo pré-fabricados são aplicados no fechamento das docas e também para arrimo da periferia da edificação.

As seções são definidas após o processamento estrutural em função dos esforços atuantes, levando-se em conta também os esforços gerados pelo manuseio da peça durante a fase de fabricação, transporte e montagem.

Os muros de arrimo podem ser cegos ou apresentar recorte para apoio dos nichos de doca e são fabricados em concreto armado com acabamento superficial natural para receber um tratamento posterior (pintura, selante, etc).

Os muros de arrimo são fixados usualmente nos pilares através de ligações soldadas compostas por insertos metálicos concretados nas peças ou através de ligações parafusadas. Para situações onde o muro de arrimo possui a sapata integrada, não há ligações com a estrutura.

Os muros de arrimo são apoiados sobre o solo em uma superfície compactada e nivelada.

Nichos

Os nichos pré-fabricados são aplicados nas docas da edificação para receber as niveladoras de docas e suas dimensões variam de acordo com cada fabricante de niveladoras.

Os nichos são apoiados sobre o solo em uma superfície compactada e nivelada.

Rua Barão de Teffé, 1.000 - Edifício Campos Elísios
14º andar - Sala 146 - Jardim Ana Maria – Jundiaí-SP
CEP: 13.208-761
Telefone: (11) 3963-0585 | (11) 3963-0586
Voltar ao Topo